TIME - TECNOLOGIAS DE INTERACÇÃO MULTIMÉDIA NA EDUCAÇÃO Minimizar  
O projecto TIME | Parceria CCEMS/SIM | Príncipios orientadores | Modelo organizacional
 
Mostrar como múltiplas páginas

O CCEMS tem uma vasta experiência e longa tradição no âmbito de projectos de introdução de tecnologias de interacção multimédia nos contextos de aprendizagem. Desde a nossa fundação, que procuramos potenciar as tecnologias de interacção multimédia (quadros interactivos, tablets PCs, realidade virtual) nos processos de inovação e mudança dos contextos de aprendizagem.

As nossas finalidades centram-se nas escolas e na melhoria dos processos de integração da tecnologia através do apoio técnico, formação de docentes (em parceria com os respectivos centros de formação) e procura conjunta de novos modelos de organização e funcionamento.

Contudo, para a concretização de alguns projectos, são também importantes as parcerias com as empresas ligadas à tecnologia, que nos permitem oferecer às escolas benefícios significativos no acesso a equipamentos e sistemas.

O projecto TIME – Tecnologias de Interacção Multimédia na Educação resulta assim de, mais uma parceria entre empresas portuguesas que pretendem desenvolver soluções no âmbito da interactividade e da mobilidade (SIM – Soluções Interactivas Multimédia), o CCEMS e a sua rede de escolas.

TIME - tecnologias de interacção multimédia na educação

Consideramos este projecto um interessante desafio, quer pela promoção e estudo dos processos de integração destas tecnologias na sala de aula, quer pelas oportunidades de reforçar outros projectos cooperativos entre as escolas envolvidas e outras escolas de Portugal e do mundo.


Os promotores das soluções SIM (Data4.com de Lisboa e Famasete do Porto) têm vasta tradição em soluções multimédia para contextos de aprendizagem. Apresentam-se empenhadas em desenvolver um conjunto de soluções de interacção multimédia onde se integram tecnologias de grandes empresas internacionais e a nossa tradicional criatividade na procura de soluções contextualizadas para as reais condições das escolas portuguesas.

No âmbito deste projecto os promotores oferecem às escolas e centros de formação que venham a aderir ao projecto TIME, condições especiais de aquisição de um conjunto de equipamentos, esperando receber dos utilizadores, como contrapartida, um valioso conjunto de contributos que lhe permitam melhorar as suas soluções e produtos destinados à educação.

São para nós claros os objectivos dos promotores na promoção e divulgação das suas Soluções Interactivas Multimédia. Contudo, parecem-nos também claros os potenciais benefícios para as comunidades educativas que aceitarem integrar este projecto: acesso a equipamentos e tecnologias; formação de docentes contextualizada num projecto e na escola; oportunidade de renovar os processos de ensino-aprendizagem; participação em projectos de aprendizagem cooperativa a nível nacional e internacional, etc.

parcerias para o desenvolvimento

Consideramos que a tecnologia não é por si mesma uma solução. Os factores determinantes e as reais mais-valias resultam das interacções entre as pessoas. As soluções propostas têm como finalidades essenciais potenciar os benefícios da tecnologia na melhoria da aprendizagem dos alunos e, como consequência, promover uma maior eficácia das actividades de ensino.


Consideramos estas tecnologias excelentes meios para a renovação das metodologias de ensino, dos processos de aprendizagem e das dinâmicas de interacção na sala de aula. O seu carácter portátil e de fácil adaptação a diferentes contextos potenciam e complementam a recente iniciativa de apetrechamento das escolas com computadores portáteis. Assim, e para além de equipamentos de trabalho individual (computadores), acrescentam-se dispositivos de trabalho colaborativo em suporte multimédia e digital.

Contudo, o maior benefício das comunidades educativas não é ter umas salas equipadas com novas tecnologias... estas são apenas a condição necessária, mas não suficiente, para que se concretizem os reais benefícios para as comunidades educativas.

Os Professores são os elementos centrais neste projecto pois são eles que, ao aceitarem os desafios da integração das tecnologias, criam as condições para a re-invenção das pedagogias e dos contextos de aprendizagem. Este projecto tem assim como linhas de actuação prioritária a formação de docentes e a criação de condições para o desenvolvimento de experiências de partilha e aprendizagem cooperativa.

 

Um dos grandes benefícios dos desenvolvimentos tecnológicos da Sociedade da Informação e do Conhecimento é a facilidade de comunicação à escala planetária. As comunidades educativas têm agora a oportunidade de comunicar e de interagir com outras comunidades do país ou do mundo.

 

Este projecto pretende também promover o desenvolvimento de actividades de intercâmbio a nível nacional e internacional.

interacção multimédia na sala de aula


Propomos um modelo organizacional que associa escolas, ou agrupamento de escolas, e centros de formação como pólos de desenvolvimento de dinâmicas de cooperação ao nível das respectivas regiões, viabilizando iniciativas no âmbito da formação de professores, partilha de experiências e difusão de boas práticas.

 

O portal R21 será o ponto de encontro de diferentes comunidades, disponibilizando repositórios de recursos, ferramentas de comunicação, suporte e formação “on-line”.

modelo organizacional

Ao nível da Escola/Agrupamento, propomos um modelo de organização articulado com o respectivo órgão de gestão (que assegurará as condições organizacionais – salas, turmas, professores), coordenado por um professor que será o promotor do projecto junto dos restantes professores (assegurando medidas de articulação, organização da formação, partilha de experiências e recursos, entre outros).

organização ao nível de escolas

Alguns princípios subjacentes ao modelo organizacional proposto:

  • Autonomia e diversidade: Quer ao nível das escolas/agrupamentos, quer ao nível das respectivas associações (coordenadas por centros de formação ou centros de competência) prevalecem os modelos de organização e funcionamento mais adequados às suas especificidades locais, regionais, ou do respectivo modelo organizacional.
  • Cooperação e Comunidade: Cada professor, escola/agrupamento ou comunidades de escolas, tem a oportunidade de partilhar as respectivas experiências e materiais numa lógica cooperativa como estratégia fundamental para a disseminação da inovação e boas práticas.
  • Tecnologia e Pedagogia: A tecnologia não é um fim em si mesma mas uma estratégia para a renovação das pedagogias e dos modelos de organização e funcionamento da escola. Assim, os recursos educativos não são exclusivos de um projecto, mas de toda a comunidade. Na maioria das situações, um determinado recurso tem aplicações e um valor acrescido que está para além das tecnologias ou projectos que lhe deram origem.
     
  
   DOCUMENTOS Minimizar  

Anexo IV - Formulário de adesão de Escolas/Agrup.

Formulário de adesão de Escolas / Agrupamentos de Escolas

Efectue o download do documento, preencher os dados solicitados e assinar pelo órgão de gestão. Pode enviar-nos por fax (244 768 346) ou por correio electrónico (equipa@ccems.pt), devendo neste último caso efectuar uma digitalização do documento preenchido.



Tamanho 70 K
Downloads 527
Data sex 04-05-2007 @ 01:22
    DESCARREGAR

Anexo I - SIM Soluções Interactivas Multimédia

SIM - Soluções Interactivas Multimédia

  • Áreas de Intervenção
  • Distribuidores
  • Contactos
  • Catálogo de soluções SIM
  • Características dos equipamentos


Tamanho 1916 K
Downloads 607
Data qua 28-03-2007 @ 10:25
    DESCARREGAR

Projecto TIME (versão redux)

Versão reduzida do projecto TIME.

1 - Visão geral do projecto (enquadramento, parcerias, articulação e finalidades)

2 - Mobilidade, Tecnologias e Contextos de Aprendizagem (tecnologias e materiais de apoio)

3 - Metodologias, Estratégias e Actividades (organização do projecto, sistemas web-based de apoio, formação de professores, adesão de escolas e de centros de formação)



Tamanho 774 K
Downloads 418
Data seg 12-03-2007 @ 10:44
    DESCARREGAR

Projecto TIME

1. Visão geral do projecto
      1.1 – Tecnologias de Interacção Multimédia na Educação
      1.2 – Breve caracterização da parceria CCEMS/SIM
      1.3 - Princípios orientadores
      1.4 – Modelo organizacional
      1.5 – Finalidades 
      1.6 – Áreas de Intervenção

2. Mobilidade, Tecnologias e Contextos de Aprendizagem
      2.1 - Equipamentos de interactividade móvel 
      2.2 - Software 
      2.3 - Comunicação e Interacção na Web 
      2.4 - CD Rom do Projecto

3. Metodologias, Estratégias e Actividades
      3.1 - Sistemas "Web-Based" de apoio ao projecto 
      3.2 - Interacção, Mobilidade e Contextos de Aprendizagem 
      3.3 - Formação de Professores 
      3.4 - Acompanhamento e Avaliação do Projecto 
      3.5 - Planificação / Cronogramas 
      3.6 - Adesão ao Projecto



Tamanho 1192 K
Downloads 491
Data seg 12-03-2007 @ 10:37
    DESCARREGAR

Anexo II - ABC da Mobilidade Interactiva

ABC da Mobilidade Interactiva. Breve tutorial de utilização:

  • Dispositivo de interacção móvel
  • Caneta electrónica
  • Paletas flutuantes
  • ScrapBook


Tamanho 2200 K
Downloads 305
Data sex 02-03-2007 @ 02:52
    DESCARREGAR

Anexo III - Apresentação de Sistemas de apoio

Breve apresentação de sistemas Web de apoio ao projecto:

  • GATo:\> Gestor de Actividades TIC na Educação
  • Moodle@CCEMS - plataforma de gestão de aprendizagem
  • Portal R21 - contéudos educativos para o século XXI


Tamanho 278 K
Downloads 229
Data sex 02-03-2007 @ 02:50
    DESCARREGAR

Anexo V - Formulário de adesão de CFAE

Formulário de adesão de Centros de Formação de Professores

Efectue o download do documento, preencha com os dados solicitados e envie-nos por fax (244 768 346) ou por correio electrónico (equipa@ccems.pt), devendo neste último caso efectuar uma digitalização do documento preenchido.



Tamanho 68 K
Downloads 204
Data sex 02-03-2007 @ 02:49
    DESCARREGAR

< ANTERIOR  1 de 1  SEGUINTE >
     
  
   [PUB]  

SIM - Soluções Interactivas multimédia